Bibliotecas Parque do Rio de Janeiro

ingredientes de políticas cultural e urbana

  • Luiz Fernando Zugliani
Palavras-chave: PAC, Urbanização, Cultura, Bibliotecas Parque

Resumo

O presente artigo faz uma abordagem sobre a relação entre o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e as Bibliotecas Parque do Estado do Rio de Janeiro. Mostra como o PAC valeu-se da exitosa experiência das cidades colombianas de Bogotá e Medellín, que enfrentaram a criminalidade em espaços dominados pelo tráfico, com um projeto de urbanização que privilegiou a construção de equipamentos sociais, como as bibliotecas multifuncionais. Destaca a necessidade de integração de diversas políticas públicas, com o fim de obter resultados efetivos voltados à inserção social e à melhoria dos indicadores de leitura. Propõe, ao final, uma reflexão sobre a generalização do termo “parque” frente às ações de comunicação social e de formulação de políticas públicas para o setor.
Publicado
2016-11-23
Seção
ARTIGOS