Edição Atual

v. 6 n. 1 (2022): Memória e Informação

Editorial

A interdisciplinaridade é fundamental para se entender a Ciência da Informação que, segundo Saracevic (1995), enfrenta “três assuntos críticos: mudanças sociais contemporâneas, a revolução tecnológica e mudanças interdisciplinares”. Nada mais atual do que essa definição, pois alerta aos pesquisadores da área sobre a travessia de mares revoltos em decorrência da intensificação do uso das tecnologias e do seu impacto social. Assim, as tecnologias têm exigido que as instituições de memória se adequem a novas práxis e ao mesmo tempo defrontem-se com as questões tradicionais que envolvem o olhar apurado das diversas áreas que a compõe. 

Neste número será apresentado artigo de um tema atual, voltado ao impacto do uso da tecnologia de informação e comunicação nas ciências humanas, intitulado As instituições de memória e as humanidades, de Marx Vargas da Guia e Ana Ligia Medeiros. O artigo oferece reflexões de como as novas ferramentas e formas de interação com os usuários influenciam na difusão de acervos das instituições memoriais.

Dois artigos se dedicam a questões de preservação de acervos, tema fundamental para a guarda da memória nacional. O artigo de Dijavan Mascarenhas Campos, é o relato sobre sua pesquisa no arquivo da Irmandade do Santíssimo Sacramento da Candelária, visando à aplicação do conceito de conservação preventiva do acervo.

Já o artigo dos doutores Milagros Vaillant, Edmar M. Gonçalves e María Luisa Soares dedica-se à avaliação do estado de conservação dos acervos dos arquivos, bibliotecas e museu da Fundação Casa de Rui Barbosa. Esse artigo é de grande importância para a área, pois revela em minúcias a metodologia utilizada na elaboração de um diagnóstico dos acervos. 

O olhar de uma pesquisadora mexicana pode ser visto no artigo de Elsa Leticia García Argüelles que relata sua experiência no arquivo pessoal de Clarice Lispector, essa grande escritora que completaria 100 anos em 2022. 

Carlos Mario Camacho estuda o impacto das transformações urbanas do Rio de Janeiro nas crônicas de Lima Barreto, sob diversos ângulos como as inovações tecnológicas, a moda e os novos costumes da população, além dos efeitos da construção de grandes avenidas, da especulação imobiliária e da carestia. 

Carolina Sena analisa uma questão polêmica sobre a origem da literatura de cordel como uma manifestação genuinamente brasileira, utilizando para tal o estudo da bibliografia especializada, como desdobramento do conteúdo de sua dissertação.

Um olhar diverso nos traz Rosângela Florido Rangel no estudo sobre o Sabadoyle correlacionando-o com a percepção de duas grandes figuras do século XX:  Aby Warburg e Walter Benjamin.  

Na seção Documentos, foram selecionados os relacionados ao Sabadoyle:  uma foto e a primeira ata. O Sabadoyle era uma reunião de intelectuais na casa de Plínio Doyle. Nesse encontro participavam Carlos Drummond de Andrade, Pedro Nava entre muitos outros escritores. Estes documentos se encontram no Arquivo Museu de Literatura Brasileira, e contribuem para ilustrar o artigo de Rosângela Rangel.

Por fim, esse número é dedicado à memória de Milagros Vaillant, cientista cubana, que desenvolveu um trabalho inovador na área de biodeteriorização do patrimônio documental. Neste número, publicamos um de seus últimos artigos, dedicado ao aprimoramento de uma Política de Preservação da Fundação Casa de Rui Barbosa. A área de preservação preventiva deve muito à ela.

Desejamos a todos uma boa leitura.

Ana Ligia Medeiros
Daniela Sophia

Saracevic, T. (1995). A natureza interdisciplinar da ciência da informação. Ciência da Informação, 24(1). https://doi.org/10.18225/ci.inf.v24i1.608

Publicado: 2022-10-18
Ver Todas as Edições

O periódico Memória e Informação é uma publicação científica interdisciplinar da área de Arquivologia, Biblioteconomia, Ciência da Informação, Humanidades Digitais, Memória Social, Museologia, Preservação Arquitetônica, Preservação e Conservação de documentos. Sua missão é contribuir para a divulgação de pesquisas inéditas, análises teóricas, casos práticos de gestão e notas técnicas que possibilitem subsidiar a reflexão acadêmica e a prática profissional sobre iniciativas sustentáveis em organizações privadas, públicas e da sociedade em geral.